Jibóia-prateada: uma planta ornamental que encanta pela beleza e facilidade de cultivo

Escrito por:

A jibóia-prateada (Scindapsus pictus Argyraeus) é uma espécie de trepadeira originária do sudeste asiático, que possui folhas verdes com manchas prateadas, que lembram escamas de peixe.

Anúncios

Ela é uma planta muito resistente e adaptável, que pode ser cultivada em vasos, cestas suspensas ou como forração no solo. Além de embelezar o ambiente, a jibóia-prateada também tem propriedades purificadoras do ar, ajudando a eliminar toxinas e melhorar a qualidade do ar.

Características da jibóia-prateada

A jibóia-prateada é uma planta da família das Araceae, a mesma do antúrio, da costela-de-adão e da espada-de-são-jorge. Ela é parente próxima da jibóia-verde (Epipremnum aureum), outra trepadeira muito popular no paisagismo.

jiboia prateada 1
Imagem: ourplantylifeinboston

A diferença entre elas está nas folhas: enquanto a jibóia-verde tem folhas lisas e brilhantes, com variegações amarelas ou brancas, a jibóia-prateada tem folhas mais ásperas e opacas, com manchas prateadas.

Anúncios

Como cuidar da jibóia-prateada?

A jibóia-prateada é uma planta de fácil cultivo, que não exige muitos cuidados especiais. Por isso, pode ser uma ótima opção de planta para quem não tem muita experiência ou tempo.

1- Iluminação

A espécie de trepadeira prefere locais bem iluminados, onde possa receber a luz indireta do sol, já que luz direta do sol pode queimar as suas folhas.

jiboia-prateada
Imagem: northernfoliage

Por isso, ela se adapta bem a ambientes internos, desde que receba claridade suficiente.

2- Rega

Não exagere nas regas. Ela gosta de estar em um ambiente úmido, mas sem encharcamentos. Você deve regar a planta sempre que sentir o substrato seco ao toque, evitando deixar água acumulada no prato.

Anúncios

No inverno, reduza a frequência das regas, pois o excesso de umidade pode favorecer o aparecimento de fungos e doenças.

3- Adubação

Ela não é muito exigente em nutrientes, mas se beneficia de uma adubação periódica com um fertilizante orgânico ou mineral, seguindo as instruções do fabricante. Recomenda-se adubar a planta na primavera e no verão, que são as estações de maior crescimento.

4- Podas

As podas podem ser feitas sempre que os ramos estiverem muito longos ou fora de forma, para estimular o surgimento de novas folhas e ramificações. Você também pode aproveitar as estacas resultantes da poda para propagar a sua planta.

Anúncios

Propagação

Ela pode ser propagada facilmente por estaquia ou por divisão de touceiras. Para fazer a estaquia, basta cortar um ramo com pelo menos duas folhas e colocá-lo em um recipiente com água ou em um substrato úmido.

jiboia-prateada

Em poucas semanas, você verá as raízes se formando. Depois, é só transplantar para um vaso definitivo. Para fazer a divisão de touceiras, basta separar uma parte da planta que tenha raízes e folhas e plantá-la em outro vaso.

Publicidade relacionada

Veja Também