Descubra o Encanto da Ludisia Discolor: Guia Completo de Cultivo

Escrito por:
Descubra o Encanto da Ludisia Discolor: Guia Completo de Cultivo

A Ludisia discolor, também conhecida popularmente como Orquídea-Jóia ou orquidea pipoca, é uma planta terrestre nativa do sudeste da Ásia, apreciada por suas folhas exuberantes e flores delicadas. Com tons vibrantes de verde, vermelho e púrpura, com nervuras marcantes, ela se torna uma verdadeira joia para qualquer jardim ou ambiente interno.

Anúncios

Neste artigo, vamos explorar tudo sobre essa planta encantadora, desde sua origem até suas características únicas, passando por dicas essenciais de cultivo. Prepare-se para se apaixonar pelo mundo da Ludisia Discolor!
Imagem: plantiplant

Origem e características da Ludisia Discolor

A orquidea Ludisia é uma planta de crescimento lento e compacto, atingindo em média 20 a 30 cm de altura. Ela é originária das florestas tropicais do Sudeste Asiático, incluindo países como Malásia, Tailândia e Indonésia. A orquidea joia se destaca por possuir folhas ovaladas, coriáceas e de textura aveludada, apresentam um padrão único de cores.

Anúncios

A floração ocorre principalmente na primavera e no verão, mas pode se repetir esporadicamente ao longo do ano. Suas flores são pequenas e delicadas, surgindo em inflorescências ramificadas que se erguem acima da folhagem, e podem variar de coloração, alternando entre flores brancas, rosadas ou lilases.

Orquidea Ludisia: como cuidar?

Luz do Sol

Ludisia Discolor
Imagem: plantiplant

Escolha um ambiente de meia-sombra, onde a sua Ludisia discolor possa receber a luz indireta do sol, como janelas bem iluminadas e varandas. Por ser sensível ao sol pleno, evite a exposição direta ao sol, pois isso pode queimar suas folhas sensíveis.

Anúncios

Substrato

O ideal, é que a popular orquidea joia seja cultivada em um substrato bem drenado e rico em matéria orgânica, como uma mistura de casca de pinheiro, musgo de sphagnum e perlita. Essa composição ajudará a manter as raízes da Ludisia Discolor saudáveis e felizes.

Adubação

A adubação deve ser realizada a cada 2 ou 3 meses, utilizando um fertilizante balanceado para orquídeas. Entretanto, é importante reduzir a frequência de adubação durante o outono e o inverno, quando a planta entra em dormência.

Anúncios

Regas

Cuide para que as regas sejam regulares, para manter o substrato sempre úmido, mas cuidando para não exagerar e encharcar. O recomendado, é regar a planta sempre que o substrato estiver seco ao toque, geralmente a cada 7-10 dias.

Publicidade relacionada

Veja Também