Orquídea oncidium aloha: como cuidar da conhecida “chuva-de-ouro”?

Escrito por:
Orquídea oncidium aloha: como cuidar da conhecida “chuva-de-ouro”?

As orquídeas são plantas muito apreciadas pelos amantes da natureza, pois possuem uma beleza exótica e delicada.

Anúncios

Entre as diversas espécies de orquídeas, uma que se destaca é a oncidium aloha, também conhecida como orquídea chuva de ouro.
Imagem: pabloorquideas

Características da oncidium aloha

A oncidium aloha é uma orquídea híbrida, originada do cruzamento entre as espécies oncidium sphacelatum e oncidium ornithorhynchum.

orquidea oncidium aloha
Imagem: orquidario_acw_orchids

Ela possui flores amarelas com manchas marrons, que formam cachos pendentes e perfumados. A época de floração da oncidium aloha é entre o final do inverno e o início da primavera, podendo durar até dois meses.

Anúncios

Como fazer o cultivo?

Para cultivar a oncidium aloha em casa, é preciso seguir alguns cuidados básicos, que garantem a saúde e a beleza da planta.

1- Vaso e substrato adequado

Por ser uma espécie de orquídea epífita, que vive sobre outras plantas, sem parasitá-las, ela não precisa de terra para se desenvolver, mas sim de um substrato que proporcione boa drenagem e aeração para as raízes.

oncidium aloha
Imagem: aceo6270

Você pode usar cascas de pinus, carvão vegetal, fibra de coco ou musgo sphagnum como substrato. O vaso deve ter furos na parte inferior e nas laterais, para facilitar a drenagem da água.

Anúncios

2- Frequência das regas

Ela não gosta de ser cultivada em um substrato encharcado, pois isso o ideal é regar a espécie uma ou duas vezes por semana, dependendo do clima e da umidade do ambiente.

Anúncios

Para saber se a orquídea já precisa de água, basta verificar se o substrato está seco ao toque. Você pode usar um regador ou uma mangueira com jato fino para molhar o substrato, evitando molhar as folhas e as flores.

3- Adubação

A orquídea oncidium aloha precisa de nutrientes para crescer e florescer. Você pode usar um adubo específico para orquídeas, seguindo as instruções do fabricante.

O ideal é fertilizar a planta a cada 15 dias durante o período de crescimento e floração, e uma vez por mês no restante do ano.

4- Iluminação

Escolha um ambiente onde ela possa receber a luz indireta do sol durante a maior parte do dia. Evite expor a planta ao sol forte, pois isso pode queimar as folhas e as flores.

Anúncios

A oncidium aloha também não tolera ambientes muito escuros, pois isso prejudica o seu desenvolvimento e a sua floração.

5- Temperatura ideal

Por ser uma orquídea de clima tropical, ela prefere ser cultivada em ambientes com temperaturas entre 18°C e 30°C. Evite expor a orquídea a temperaturas muito baixas ou muito altas, pois isso pode causar estresse e queda das flores.

6- Poda

A poda deve ser feita apenas para remover as partes secas ou danificadas da planta. Você pode cortar as hastes florais após a queda das flores, deixando cerca de 10 cm acima do pseudobulbo (estrutura que armazena água e nutrientes na base da planta).

Publicidade relacionada

Veja Também