Cacto rabo de gato (Cleistocactus Winteri): uma espécie exótica e fácil de cultivar.

Escrito por:
Cacto rabo de gato (Cleistocactus Winteri): uma espécie exótica e fácil de cultivar.

A beleza exótica do cacto Rabo de Gato, cientificamente conhecido como Cleistocactus Winteri, tem conquistado admiradores em todo o mundo.

Anúncios

Originário das regiões desérticas da América do Sul, ele recebeu esse nome por conta dos seus caules são longos, cilíndricos e cobertos por espinhos amarelos que lembram a cauda de um felino.
Imagem: renascersuculentas

Origem do cacto rabo de gato

O cacto rabo de gato (cleistocactus winteri) é uma planta originária dos Andes, que cresce em altitudes entre 2.500 e 3.000 metros. Ele pertence à família Cactaceae e ao gênero Cleistocactus, que reúne cerca de 50 espécies de cactos colunares.

Anúncios

O cacto rabo de gato é uma planta que pode trazer muita beleza e charme para o seu ambiente, seja ele interno ou externo. Ele é ideal para quem gosta de plantas exóticas e pendentes, e que não exigem muitos cuidados.

Características marcantes

Uma das características mais encantadoras do cacto rabo de gato são as suas flores, que surgem ao longo dos caules em forma de pequenas trombetas na cor salmão, vermelha ou laranja.

cacto rabo de gato
Imagem: casagardenfraiburgo

Elas costumam aparecer na primavera e no verão, e duram vários dias, dando um toque de cor e delicadeza à planta. As flores também produzem frutos verdes e vermelhos, que podem ser consumidos pelos pássaros.

Anúncios

Como cultivar o cacto rabo de gato?

O cacto rabo de gato é uma planta fácil de cultivar, desde que se respeitem as suas necessidades.

1- Substrato e iluminação

O cacto rabo de gato pode se adaptar sem maiores dificuldades a diferentes tipos de substratos, desde que sejam bem drenados e pobres em nutrientes. Você pode misturar areia, terra vegetal e húmus de minhoca na proporção de 2:1:1.

cacto rabo de gato
Imagem: sementesdavidasuculentas

Quanto a iluminação, escolha um local com boa iluminação, mas evite o sol direto nas horas mais quentes do dia, pois pode queimar os espinhos.

Anúncios

2- Rega

Regue o cacto rabo de gato com moderação, apenas quando o substrato estiver seco. Evite encharcar a terra ou deixar água acumulada no prato, pois pode causar apodrecimento das raízes.

3- Adubação

Adube o cacto rabo de gato com um fertilizante específico para cactos e suculentas, seguindo as instruções do fabricante. Faça isso uma vez por mês na primavera e no verão, e suspenda a adubação no outono e no inverno.

Anúncios

4- Propagação

Sua propagação pode ser feita por sementes ou por estacas. No caso das estacas, é preciso cortar um pedaço do caule e deixá-lo secar por alguns dias antes de plantá-lo em um novo vaso.

Publicidade relacionada

Veja Também